Coronavrus: Anvisa aprova IFA da Fiocruz e avalia vacinao de crianas a partir de 3 anos


Após aprovar o uso da vacina da Pfizer para crianças maiores de 5 anos agora a Anvisa autorizou o uso do insumo farmacêutico ativo (IFA) para a vacina da AstraZeneca produzido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Além disso, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária também está avaliando a vacinação de crianças a partir de 3 anos de idade.



Coronav





Segurana
05 Jan




Coronav





Tech
04 Jan


A aprovação do IFA da Fiocruz é um importante passo na produção de vacinas 100% nacionais, pois até o momento o insumo é importado e isto já causou atraso no fornecimento de imunizantes pela fundação.

Para aprovar o IFA, a Anvisa analisou amostras do importado e do nacional, constatando que ambos têm o mesmo efeito. Com esta autorização, 21 milhões de doses que estão sendo produzidas pela Fiocruz poderão ser utilizadas na campanha de imunização contra o coronavírus a partir de fevereiro.


A Fiocruz já testa a produção do IFA desde abril de 2021, com acordo de transferência de tecnologia de produção firmado na Universidade de Oxford.

Nísia Trindade Lima, presidente da Fiocruz, ainda comentou:

Com essa aprovação hoje pela Anvisa, conquistamos uma vacina 100% produzida no país e, dessa forma, garantimos a autossuficiência do nosso Sistema Único de Saúde [SUS] para essa vacina, que vem salvando vidas e contribuindo para a superação dessa difícil fase histórica do Brasil e do mundo.

Vacinao de maiores de 3 anos

A Anvisa anunciou ontem (6) que está analisando possibilidade de imunização de crianças e adolescentes com idade entre 3 a 17 anos com a vacina Coronavac.

Diversas reuniões já foram feitas, a primeira delas contou com apresentação de estudos realizados pela Fiocruz, depois uma com especialistas para analisar os dados e depois representantes e especialista do Butantan, Chile e da Sinovac, que é a responsável pelo desenvolvimento da vacina.


Dentre as organizações e agências presentes nas reuniões estão:

  • Departamento de Infectologia da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP)
  • Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI)
  • Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco)
  • Sociedade Brasileira de Imunologia (SBI)

A solicitação para aplicação da Coronavac em jovens entre 3 e 17 anos foi enviada pelo Instituto Butantan em dezembro de 2021, mas na época ela não foi aprovada, pois a Anvisa alegou que os dados ainda eram insuficientes. Por enquanto, apenas a vacina da Pfizer pode ser administrada em indivíduos com idade entre 5 a 17 anos.



Source link

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*