Desenvolvimento de carro autnomo da Apple passa por problemas


Gurgman afirma que o chefe do desenvolvimento do software do carro da Apple, Joe Bass, deixou a companhia após sete anos. A informação foi confirmada em sua página do LinkedIn. Ele agora é diretor em uma divisão da Meta.

Ao longo de 2021, quase a equipe inteira deixou o projeto. Dave Scott, Jaime Waydo, Dave Rosenthal e Benjamin Lyon saíram no início de 2021. Doug Field deixou o desenvolvimento em setembro. O responsável pelo hardware do carro autônomo, Michael Schwekutsch, saiu logo em seguida. Segundo as informações, o líder do projeto agora seria Kevin Lynch, executivo responsável pelo software do Apple Watch.

Gurnman acredita que 2022 seja o ano mais importante para o desenvolvimento do carro autônomo da companhia. Em novembro, a Bloomberg reportou que a companhia pretende lançar seu veículo até 2025.

Fontes internas dizem que a Apple quer lançar o carro em até quatro anos, um tempo menor da estimativa planejada pelos engenheiros da companhia que contavam com um projeto com duração entre 5 a 7 anos.

Entretanto, o prazo que a companhia deseja para lançar o carro depende inteiramente da capacidade da Apple em desenvolver um sistema autônomo ousado, que representa uma tarefa desafiadora com um cronograma curto.

A Bloomberg afirma que o novo chefe do projeto não quer que o carro apenas concorra com os veículos autônomos elétricos existentes, mas que chegue ao mercado como o único veículo que consiga dirigir completamente sozinho.

Nos últimos anos, a Apple explorou duas possibilidades: criar um modelo com capacidade autônoma limitada com foco em direção e aceleração, similar aos veículos da Tesla, ou uma versão completamente autônoma que não requer intervenção humana.



Source link

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*